Conheça a nova linha CBM PRO Saiba mais
Ampera Racing – Um projeto universitário, um carro elétrico e uma competição internacional

Quantas maneiras existem para descobrir talentos universitários? A Fórmula SAE, categoria de carros de corrida, é uma delas! E, no intuito de participar da competição internacional, além de criar e promover eventos e conteúdos relacionados a mobilidade elétrica, a Ampera Racing deu início ao projeto AMP-215, em 2015, e ao SCR14-E, em 2014, com o qual obteve o terceiro lugar na categoria Brasil.

Como funciona a F-SAE?

Iniciada pela Sociedade dos Engenheiros Automotivos, nos Estados Unidos, em 1981, no intuito de substituir uma versão anterior chamada Mini-Indy, a Fórmula SAE é um campeonato-projeto, universitário, formador de engenheiros, não de pilotos.

Atualmente a competição acontece na Austrália, Itália, Inglaterra, Alemanha, Brasil e Estados Unidos, onde são reunidas as melhores equipes de cada país. Criada em 2004, a Fórmula SAE BRASIL já chegou a sua 14ª edição, com mais de 1.000 inscritos em 2016. As equipes melhor classificadas ganham o direito de representar o Brasil em duas competições internacionais realizadas nos EUA.

Assim como todo campeonato automotivo, a F-SAE também tem disputas de pista, mas não uma longa temporada de corridas com todos os carros na pista. Além de testes de aceleração e frenagem, existe uma corrida de poucas voltas, mas a maior parte do julgamento é feito na análise de especialistas.

Durante três dias de evento, os carros passam por provas estáticas e dinâmicas, avaliando a performance de cada projeto. A pontuação é estabelecida a partir de oito pontos:

  • Design do carro;
  • Custos;
  • Apresentação;
  • Skidpad (uma espécie de aceleração lateral);
  • Aceleração;
  • Autocross;
  • Endurance e;
  • Eficiência.

Para cada um desses quesitos, à uma pontuação compatível ao grau de relevância do mesmo.

O endurance vale 300 pontos, por exemplo, enquanto que o skidpad vale apenas 50. No fim das contas, o número máximo de pontos possíveis é 1.000.

A participação da Ampera Racing

Formada por membros do Curso de Engenharia da Universidade Federal de Santa Catarina, contemplado os cursos do Centro Tecnológico, Design e Administração, a Ampera Racing é um grupo de capacitação multidisciplinar que cria e promove eventos e conteúdos relacionados a mobilidade elétrica.

No intuito de potencializar as competências técnicas de cada participante, além de evidenciar o trabalho em grupo, a multidisciplinaridade e outros aspectos como planejamento e processos internos, gestão de equipes e planejamento estratégico, a Ampera deu início à sua participação na F-SAE.

E em 2014, com o SCR14-E, a equipe conquistou o terceiro lugar na categoria Brasil, estabelecendo-se como principal projeto de carro elétrico do sul do Brasil.

E os veículos como funcionam?


Entre todos os aspectos importantes, o principal ponto a ser destacado é o motor de alto desempenho, 100% elétrico. A energia vem de um banco de baterias que ficam na parte traseira do carro, a composição das baterias é de Lítio-ion bem parecida com a de celulares atuais, porém ela tem especificações de energia, tensão e corrente especiais.
Outro diferencial é a operação dos dois motores elétricos que ocorre de maneira independente. Além disso, os motores não possuem ligação nenhuma entre si e o controle é todo realizado eletronicamente, através de uma programação que leva em conta diversos fatores da dinâmica do carro, como velocidade das rodas dianteiras e traseiras, aceleração, ângulo e aceleração de torção do volante.
O chassi (estrutura) do carro, é inteiramente feita de tubos de aço. Por fim, todo o projeto é realizado em ferramentas de CAD e CAM de engenharia, com simulações testes.

Patrocínio CMB

Embora seja um interessante incentivo à aprendizagem em relação ao mundo automotivo, algumas universidades optam por não patrocinar os projetos. Desta maneira, as equipes se veem orientadas a sair em busca de patrocínios privados.

Justamente pelo foco na capacitação de futuros engenheiros, a CMB sempre acreditou no projeto da Ampera Racing. Além disso estar diretamente ligada a uma tecnologia inovadora (a tração elétrica veicular), a equipe carrega um grande potencial para mudar paradigmas da sociedade atual, principalmente no aspecto da sustentabilidade.

Investindo em educação e capacitação para o futuro, a CMB acredita que esses e outros fatores contribuem para que a parceria seja benéfica para ambos os lados, principalmente para o desenvolvimento tecnológico do país.

Para saber mais sobre o Ampera Racing, você pode acompanhar as redes sociais e o site do projeto. E caso tenha ficado com alguma dúvida, entre em contato conosco.
Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X

Produto adicionado ao carrinho

  • Nenhum produto na lista

  • 1